Caderneta de poupança – Como investir? Como funciona? Vale a pena?

 

Poupar dinheiro é um dos maiores desafios dos brasileiros. Um dos métodos mais tradicionais e utilizados é a caderneta de poupança. Funciona como uma conta bancária e pode ser aberta em qualquer banco. No entanto, não há cobranças de taxas administrativas ou ainda o IR (Imposto de Renda). Apesar de tanta facilidade, o retorno financeiro pode demorar a vir. Entenda melhor como funciona e sabe como investir, analisando se realmente vale a pena para você:

Caderneta de poupança – Entenda o que é

Criada em 1861, tinha o objetivo de proteger os salários da população em um momento de alta inflação. A ideia era que a poupança ajudasse a melhorar o poder de compra dos brasileiros. Por esse motivo, é bem simples administrar uma caderneta de poupança.

Há mais de 40 milhões de cadernetas de poupança ativas em território nacional, o que torna o tipo de investimento mais popular. Afinal, não exige aplicação de valores altos, como é o caso de determinados tipos de investimentos. O valor mínimo varia de acordo com a instituição escolhida, no entanto, geralmente, aceita baixa aplicação, como R$30,00 — ou até menos!

Mensalmente, a poupança rende juros para o titular. No entanto, esses rendimentos, assim como as aplicações, também são baixíssimos. O acréscimo de juros acontece sempre 30 dias após a aplicação realizada. Para quem quer 

caderneta poupança

Vala a pena investir?

A taxa de rendimento é baixa, 0,5% ao mês, somado à TR (Taxa Referencial) – essa última é definida pelo Banco Central, sendo utilizada a taxa Selic como base. Apesar disso, é uma aplicação simples, que aceita qualquer valor, sendo um método totalmente seguro,podendo ser feito no banco em que você já possua conta-corrente.

No Banco do Brasil, por exemplo, toda conta-corrente também possui uma conta poupança. O número da conta continua o mesmo, acrescido de uma variação que designa a poupança. Para ativá-la, basta aplicar qualquer valor.

A caderneta de poupança é um investimento de alta liquidez, ou seja, você pode sacar e transferir o dinheiro a qualquer momento. Os rendimentos são acrescentados sempre após 30 dias da aplicação. Porém, se você fizer um saque ou transferir o dinheiro antes desse tempo, ele não renderá nada.

Vale a pena para quem tem pouco para investir ou apenas quer guardar um dinheiro para fundos emergenciais. No entanto, se você quer investir valores altos, é melhor procurar algum investimento que renda mais que a poupança.

investimetno em poupanca

Como iniciar uma caderneta de poupança

Iniciar uma caderneta de poupança é bem simples. Vá até ao banco, em posse de seus documentos pessoais: RG, CPF e comprovante de residência. A conta será aberta na hora e você pode iniciar os depósitos a qualquer momento e em qualquer dia do mês.

Se quiser facilitar ainda mais, opte por ter uma conta poupança no mesmo banco em que você mantém sua conta-corrente. Caso use o aplicativo no celular, poderá controlar o saldo, extrato, aplicações e resgate usando apenas alguns toques na tela de seu smartphone.

Não há momento certo para investir na caderneta de poupança.

Quanto investir e quanto rende?

A caderneta de poupança é um tipo de investimento popular porque não exige um valor mínimo para aplicação. Você pode, por exemplo, aplicar um valor x esse mês e não aplicar nada no mês seguinte.

Os rendimentos mensais são de 0,5%. Esse percentual é acrescido da Taxa Referencial, que é definida pelo Banco Central. Isso acontece enquanto a meta da taxa Selic ao ano for superior a 8,5%.

Se a taxa Selic cair para igual ou menos que 8,5%, a conta de rendimentos da poupança será: 0,5% + TR + 70% da taxa Selic.

Lembre-se: para estimar os ganhos da caderneta de poupança é preciso descontar a inflação.

Vantagens e desvantagens da caderneta de poupança

Durante o texto, citamos algumas vantagens, mas, no geral:

  • Liquidez;
  • Isenção de IR;
  • Isenção de IOF;
  • Não há taxas.

Quanto às desvantagens:

  • Risco de crédito — se o banco quebrar, você receberá até R$250 mil;
  • Baixa rentabilidade;
  • Ruim a curto-prazo — se sacar antes de 30 dias, o dinheiro não rende.

Investir em caderneta de poupança é seguro, no entanto, veja se é um tipo de investimento interessante para sua realidade financeira. Caso tenha muito a investir, prefira outros métodos.