Intercâmbio na Espanha – Trabalho ou Estudo. Quanto Custa? Como Funciona?

Muitos Brasileiros escolhem a Europa para ter uma experiência internacional, por isso o intercâmbio na Espanha é bastante procurado, além disso, algumas pessoas pensam que a barreira do idioma pode ser minimizada se comparada ao inglês, francês ou qualquer outra língua.

A rica gastronomia, a cultura e o turismo são outros fatores que levam muitos jovens a fazerem intercâmbio na Espanha, pois, além de aprender um novo idioma ou uma nova carreira, ainda é possível escolher um roteiro que evidencia a história do terceiro país do mundo com o maior número de patrimônios da humanidade registrados pela UNESCO.

Como funciona o intercâmbio na Espanha

Intercâmbio na Espanha - Trabalho ou Estudo. Quanto Custa?  Como Funciona?

O intercâmbio nesse país pode ser feito por pessoas que precisam aprender o espanhol,sendo que os cursos são divididos em curta e longa duração.

O curso de espanhol de curta duração leva de 2 a 24 semanas, enquanto que o curso de longa duração de 1 a 52 semanas.

O aluno pode escolher a unidade de sua preferência, pois as escolas ficam localizadas em diversos lugares da Espanha.As principais cidades onde os estudantes fazem intercâmbio são: Madri, Ibiza, Sevilha, Valência, Málaga, Barcelona, Granada, Alicante, Cádiz, Marbella.

Outra forma de intercâmbio na Espanha é passar um mês de férias no país -essa modalidade pode ser sozinha ou em grupo. Diversas agências oferecem essa categoria para vivenciar uma nova cultura.

Algumas agências oferecem a oportunidade de fazer intercâmbio na Espanha com opções de curso de idioma e até estágio ou voluntariado. Quem tiver interesse, é importante informar-se a respeito.

Quais agências trabalham com o intercâmbio na Espanha?

As pessoas interessadas em fazer um intercâmbio nesse país devem procurar agências especializadas, para dar o suporte necessário e organizar toda a viagem ao destino.

Confira algumas agências que você pode consultar para solicitar um orçamento:

  1. EF – A agência possui diversos programas de intercâmbio: férias, curso de idiomas, universitário, cultura Au Pair, treinamento corporativo de idiomas, idiomas para negócios, ano acadêmico no exterior;
  2. CI – Programa para curso de idiomas e universidades;
  3. Study Global – Programas para jovens, adultos e profissionais, para estudar o idioma ou estágio e/ou trabalho voluntário.

Requisitos para fazer um intercâmbio na Espanha

A maioria das agências oferece programas para adolescentes, jovens, adultos e profissionais.No entanto, alguns requisitos são necessários:

  1. Os adolescentes de 13 a 18 anos podem fazer intercâmbio de férias e cursos de idiomas;
  2. Os jovens de 18 a 25 anos podem acrescentar o ano acadêmico, além das opções acima;
  3. Os adultos e profissionais executivos podem, também, aperfeiçoar o idioma fora do país.

Até 90 dias não é preciso de visto, mas acima disso é preciso de um intervalo de 180 dias para nova entrada no país – por isso, para as pessoas que vão fazer um curso com período que excede os 3 meses é essencial tirar o visto de estudante.

Quem faz intercâmbio, pode trabalhar?

Intercâmbio na Espanha - Trabalho ou Estudo. Quanto Custa?  Como Funciona?

Os estudantes que vão fazer intercâmbio na Espanha por, pelo menos,6 meses com visto de estudante podem trabalhar até 20 horas semanais. O Governo permite que essas pessoas trabalhem, desde que seja na área do seu estudo e que ele não dependa desse dinheiro para sobreviver – é somente pela experiência profissional.

Cada país tem a sua regra com relação a isso, entretanto, é preciso apresentar a documentação pessoal e a empresa contratante deve ser devidamente regularizada no país, sendo que algumas exigem experiência na função, outras não, vai depender da área de atuação.

Estudantes com permanência inferior a 6 meses não podem trabalhar.

Quais são os procedimentos para fazer intercâmbio na Espanha?

Assim que o interessado escolher o curso que deseja fazer, deve assinar o contrato com a agência e providenciar todos os documentos listados por eles, que são: passaporte, vistos (se necessário), seguro viagem, entre outros.

Você deve providenciar a hospedagem, a compra de passagens aéreas e organizar um valor para gastos com transporte, alimentação e lazer.

Algumas agências ajudam os alunos na organização de todos esses detalhes.

O mais importante é encontrar uma agência de intercâmbio na Espanha de confiança, para fazer a sua viagem com tranquilidade.

Chegando no destino, em alguns casos, será necessário apresentar os documentos da matrícula e comprovantes de hospedagem na imigração – por isso, é ideal ter esses dados sempre à mão.