MDB: História, principais nomes, posicionamento político e ideologias

O Movimento Democrático Brasileiro é antigo: existe desde 1966. No entanto, em 1979 passou a ser o que conhecemos hoje como PMDB (Partido do Movimento Democrático). Já em 2018, ele volta às suas origens, passando a ser chamado novamente de MDB. Entenda essa mudança e veja todo o histórico desse movimento:

História do MDB

MDB: História, principais nomes, posicionamento político e ideologias.

O MDB originou-se em 1966, com os opositores do Regime Militar (1964), que governavam o país pela Aliança Renovadora Nacional (ARENA). Seu primeiro presidente foi Oscar Passos, um general e senador do Acre. Sua principal característica era a multiplicidade ideológica, que seguiu dessa forma até o fim do bipartidarismo, em 1979. Com essa mudança, surgiram vários outros partidos, como PT, PDT e PMDB. Em 1988, este último ainda sofreu outra ruptura, originando o PSDB.

A história do partido é extensa, já que iniciou e viveu os longos anos da ditadura militar. Dentro do próprio movimento, era possível notar vários braços, em que cada um entendia e queria algo diferente.

Em 1968, Márcio Moreira Alves conseguiu, com seu discurso, tornar o movimento mais ativo, principalmente contra a instituição do AI 5 – isso fez com que protestos de voto nulo surgissem. Com as eleições indiretas, o MDB conseguiu eleger o seu primeiro governador, em 1970, Chagas Fretas, no Rio de Janeiro. Nos anos que seguiram, o movimento cresceu constantemente.

Durante a década de 70, o país passou por vários problemas e decadência, como a crise do petróleo. Isso fez com que o MDB ganhasse cada vez mais adeptos, tornando-se o principal opositor ao governo Arena. Nessa época, lançou o anticandidato Ulysses Guimarães, durante a passagem do governo Médice para Geisel, não obtendo sucesso. Nesse período, Mário Covas, Franco Montoro e Lysâneas Maciel apoiavam Ulysses, tendo o grupo adquirido o título de “autênticos”.

Já no senado, em 1974 , o MDB conquistou 16 senadores, 44% dos deputados federais e a maior parte dos deputados estaduais em 6 estados. Isso abriu as portas para as eleições indiretas dos governadores nos estados em que saíram vitoriosos. Isso fez aumentar sua participação na Câmara, de 87 para 165 deputados.

Os anos que seguiram foram de avanço da oposição, fazendo com que o MDB crescesse diariamente. Ocorreram desentendimentos políticos e a volta dos exilados. Além disso, houve a abertura lenta e gradual, com a saída de Geisel e a entrada do governo do general Figueiredo. Petrônio Portella, alçado o Ministério da Justiça, conseguiu uma reforma política, extinguindo o bipartidarismo. Isso fez com que vários partidos surgissem, e o MDB (ou o que sobrou) passou a ser PMDB. Arena tornou-se PDS.

Em 1985, Tancredo Neves assume a presidência, tendo Sarney como vice. Essa foi a última eleição indireta. O PMDB e o PP, na época, eram aliados. No entanto, uma parte do partido não ficou satisfeita com o governo, surgindo um novo partido, o PSDB.

Em 2018, o PMDB voltou a ser chamado de MDB.

Entenda sua ideologia partidária

MDB: História, principais nomes, posicionamento político e ideologias.

A criação do MDB aconteceu como uma luta contra o regime militar. Durante os anos que seguiram,várias pessoas aderiram ao partido, como forma de lutar contra aquilo que não concordavam. Com isso, tornou-se um grupo plural contra o autoritarismo militar, tendo assim seguido até o fim do bipartidarismo.

o PMDB é um partido de centro, com posicionamento pretensamente conciliatória e anti extremista. No entanto, o partido acabou entrando em uma “negação de identidade”, visto que agora o posicionamento devia ser outro, além de ir contra o regime militar. Isso fez com que ele ganhasse muitos filiados.

Aparentemente, é um partido de bandeira branca, que escolhe quem apoiar e não se prende ao seu conteúdo programático. Com tantos escândalos políticos pelos quais teve envolvimento, o PMDB voltou a ser MDB, com o intuito de ganhar as urnas novamente, já que em seus anos dourados foi símbolo de luta e determinação.

Principais nomes do partido

Durante seus anos de luta, vários nomes destacaram-se, como Ulysses Guimarães, Franco Montoro, Tancredo Neves, Mário Covas, Lysâneas Maciel e muitos outros.

Como se filiar ao MDB

Para filiar-se ao MDB, procure um diretório municipal da sua cidade, para preencher a ficha de inscrição.