Sintegra PR – Consulta e Serviços. Passo a Passo para acessar

O SINTEGRA – Sistema Integrado de Informações sobre Operações Interestaduais com Mercadorias e Serviços – serve para fazer o controle de toda entrada e saída de mercadorias ou prestação de serviços.

Portanto, estarão os contribuintes obrigados a repassar para as administrações estaduais tributárias todos os dados, por meio digital. A abrangência do SINTEGRA é nacional. Tudo que acontece lá terá contato direto com o imposto de renda, tudo sobre as informações de operações dos contribuintes, o processamento de dados ao sistema e todas as informações referentes as operações interestaduais.

Como consultar Sintegra PR

Conforme estabelecido pelo Governo, é obrigatório que todos os contribuintes de ICMS que emitem documentos fiscais e/ou que escrituram livros fiscais pelo sistema eletrônico de processamento de dados – ainda que através de terceiros – utilizem e repassem dados ao Sistema Integrado de Informações sobre Operações Interestaduais de Mercadorias e Serviços.

Portanto, somente quem é contribuindo do ICMS terá acesso ao SINTEGRA, seja isso por meio do simples nacional e todos os modelos de negócio existentes. O sistema integrado é um programa validador do qual as empresas podem ter mais informações referentes às demais empresas, os dados cadastrados, seja aqui ou em outros estados.

Por lá é possível fazer uma consulta ao cliente interessado, seja para saber sobre substituição tributária, confirmação de eletrônico documentos, mais sobre os contribuintes do ICMS e sempre ficar bem informado em relação ao cadastrado visitado no nacional de Sintegra.

Ademais, as informações referentes às operações efetuadas são realizadas por um arquivo validado – e isto somente é possível por meio de determinado software, que pode ser encontrado no site do SINTEGRA.

No que tange ao envio destas informações, deverá ser utilizado outro software, chamado de Transmissão Eletrônica de Documentos. Para obter o programa validador do SINTEGRA, é preciso acessar o site http://www.sintegra.gov.br/e clicar no seu estado, para obter informações.

Sintegra Paraná

Este validador é obtido no site do SINTEGRA, porém é necessário fazer a confirmação dos dados junto à Secretaria de Fazenda do Estado do solicitante. Tudo o que você precisa fazer para acessar ao cadastro é entrar nesse site acoplado pela Secretaria da Fazenda, colocar o número do CNPJ e inscrição estadual para uma Sintegra Consulta.

Digite os números do CNPJ, os caracteres ao lado da página da Secretaria. Veja quais são as opções de consulta pública e muito mais. De todo modo, o ideal para não ter qualquer tipo de obstáculo é procurar a Junta Comercial mais próxima ou um contador.

Para acessar o SINTEGRA é preciso acessar o site www.sintegra.gov.br, clicar no seu Estado e informar o CNPJ.  Inclusive, há estados em que é permitida a inclusão do CPF ou da inscrição estadual. Com o CPF e inscrição, além do código de segurança apresentado, fica mais fácil ter acesso a transmissão eletrônica pela Secretaria da Fazenda do Paraná, além de algumas informações exclusivas da receita federal.

Prestadas estas informações, será necessário digitar o código de segurança apresentado, justamente para poder proteger as informações prestadas pelas empresas e constatar que não é um hacker que está tentando obter dados.

consulta Sintegra PR

Feito isso, você terá acesso a todas as informações da sua empresa, bem como de qualquer outra. Para outros serviços confira aqui o texto completo com telefones, endereços e tutoriais para te ensinar a acessar serviços online no site da Sefaz PR.

Esse site Sintegra tem tudo integrado com informações sobre as interestaduais mercadorias. Feito isso, você tem o que é necessário quanto a dados do arquivo validado, sabe mais sobre o cupom fiscal e como deverá ser utilizado.

Dicas sobre o Sistema Integrado – SINTEGRA

Existem alguns registros obrigatórios para qualquer tipo de contribuinte.Além disso, dependendo da localização do contribuinte, poderá ser obrigatório quitar tributos ou ter estes reduzidos ou isentos.

Abaixo, listamos alguns registros que são essenciais:

Consulta Sintegra PR

REGISTRO 10 – Identifica o Estabelecimento que está prestando a informação dos dados

Este é um tipo de registro obrigatório para todo arquivo do Sistema Integrado.  Nele, haverá todos os dados da pessoa a quem pertence aquele arquivo.

REGISTRO 11 – Informações complementares do informante

É essencial para todos aqueles que possuem dados adicionais, como bairro, telefone, CEP, entre outros.

Ademais, somente haverá um único registro deste tipo.

REGISTRO 50 – Informações referente notas fiscais

Este registro contém todas as informações referentes às notas fiscais de saída e entrada de mercadorias, assim como, também, de prestação de serviços.

REGISTRO 51 – Informações dos contribuintes de IPI

Este registro contém todas as informações referentes às notas fiscais de saída e entrada de mercadorias, assim como, também, de prestação de serviços.

Devem ser prestadas as informações por todos os contribuintes do Imposto sobre Produto Industrializado.

REGISTRO 53 – Substituição Tributária

Este tipo de registro é utilizado nos casos em que há a substituição tributária.

REGISTRO 54 – Registro das notas fiscais

Este tipo de registro tem relação com as notas fiscais informadas, conforme o REGISTRO 50.

É necessário que haja um registro específico para cada produto ou serviço contido na nota fiscal.Além disso, também deve conter o valor referente ao frete, ao seguro e a quaisquer outras despesas que tiverem sido informadas na nota fiscal.

REGISTRO 60 – Escrituração Contábil Fiscal

Neste tipo de registro, deverá conter todas as informações referentes à escrituração contábil fiscal.

Inclusive, neste tipo de registro há subdivisões que fazem o detalhamento da nota contábil.

Ademais, o registro 60A tem por finalidade identificar a situação tributária ao final do dia e o 60M eidentificar qual foi o equipamento que realizou a emissão do cupom fiscal.

Se você é um empreendedor contribuinte do ICMS, o Sintegra é um assunto obrigatório. Uma dica é que você estude o sistema e busco o contador para esclarecer suas dúvidas.

Portanto, é de extrema importância que o contribuinte do ICMS tenha conhecimento do SINTEGRA!